Startup: Uma assessoria contábil que deve ser inovadora, tanto quanto ela

Prestação de contas com o Fisco: DIRF x DIRPF
30/01/2020
Coronavírus e a Economia do RS: Como as empresas podem proceder
18/03/2020

Em um mundo onde a tecnologia veio para ficar – em que o Google anunciou a supremacia quântica e superou o computador tradicional – os diversos cases de sucesso de startups trazem uma alteração mercadológica capaz de impactar os diversos serviços contábeis vistos até o momento.

Os jovens empreendedores tem a necessidade de evoluir financeiramente, sendo extremamente possível, em caso de ótimas soluções de mercado. Porém muitos deles esquecem da necessidade de profissionais preparados para assessorá-los quanto às informações contábeis e financeiras, correndo, além do risco do negócio, o risco do descontrole financeiro, tão necessário para as inovações que em um primeiro momento são apenas um investimento interessante.

Isso também vale para contadores e empresários consolidados que não são capazes de perceber que este novo modelo de negócio veio para ficar, podendo ser uma oportunidade ou uma derrocada. Como demonstração temos como exemplos de startups conhecidas do público em geral, o PayPal, Airbnb, Nubank, Guia Bolso, Hotmart e Max Milhas.

O Paypal e o Nubank trazem alterações em negociações bancárias ainda dominada por grandes bancos. O Airbnb traz soluções de economia para viajantes, impactando o ramo hoteleiro. A Hotmart oferece soluções de vendas de diversos cursos online indo de encontro ao setor de ensino. A Max Milhas interfere nas vendas de passagens aéreas.

Enquanto isso, em nossa cidade, outros cases despontam para o crescimento, sendo citadas por uma consultoria americana especializada em investimentos, como Delivery Much (aplicativo de lanches), a Auster (desenvolvimento de drones e tecnologias de agricultura de alta precisão, com algoritmos próprios), Lunix e Fox (iluminação inteligente para reduzir custos) e Vambora (aplicativo de carona compartilhada).

Por fim, com startups cada vez mais globais, escritórios contábeis, empresas e investidores, podem encontrar neste novo modelo de negócios a sua própria evolução, frente a um mercado cada vez mais conectado, de soluções que visam agilidade, economia e vinculação de oferta e demanda, a exemplo da própria startup Delivery Much.

Aline Scheeren
Aline Scheeren
Trabalhista